>

Keep a calm and I'm lesbian, mom


“ Mas é claro que dá medo. Ninguém quer correr o risco de se machucar de novo. ”

—    Ana Clara.     (via re-voei)

(via nostalgia-ela)

“ — Eu juro que tento, mas eu não consigo te entender. O que diabos você quer?!
Então, como quem já não aguentava mais uma rejeição, mais nenhuma queda, olhou para seus próprios pés descalços e sorriu como se achasse alguma graça em toda sua vida de desgraças.
— Quero poder amar alguém sem ter medo de ser empurrada em um penhasco, mas sempre me empurram. Eu tenho medo de mostrar o que sinto porque estão querendo me matar aos poucos, e sabe o que é mais triste? É parar e perceber que estão conseguindo. Nunca pensei que diria isto algum dia, mas o amor está me matando. O que faço para parar de amar? ”

—    Os porquês de Amélia Roswell.  (via in-fluxo)

(via nostalgia-ela)